Quantos me visitaram ?

14 de junho de 2006

QUE BARBADA, QUE NADA

A Seleção Brasileira foi um fiasco. Esperava-se muito, mas muito mais, mesmo, desses craques milionários. Mas não jogaram nada. Não correram em campo, o que é mais grave. Ficaram tocando a bola lateralmente, sem nenhum perigo para a aguerrida Croácia, que diga-se de passagem, também não é la essas coisas. Robinho deu maior velocidade ao time e deveria ter entrado já no início do segundo tempo. Mas ganhamos. Conquistamos três pontos. Mas pela festa por aqui, parece que conquistamos a taça. O povo quer mesmo é festejar. Se fosse zero a zero a festança aconteceria do mesmo jeito. Saí para fazer umas comprinhas no supermercado e peguei um engarrafamento bem parecido com os das duas marginais do Tietê. Cruzes! Festa é mesmo a melhor coisa da vida! Agora vou terminar de tomar aquele Cabernet Sauvignon que iniciei quando o juiz (bom!) apitou para a partida começar. Também pensei que fosse uma barbada....

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Balneário Camboriú, Sul/Santa Catarina, Brazil
Sou professor adjunto aposentado da Universidade Federal Fluminense (UFF) e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Sou formado em Letras Clássicas pela UERJ. Pertenço à Academia Brasileira de Filologia (ABRAFIL), Cadeira Nº 28.